Festival de Natação Maio Laranja agita Arena Aquática de Salvador

A Arena Aquática de Salvador, na Pituba, foi palco neste sábado (14) do Festival de Natação Maio Laranja. O evento faz parte da programação da campanha de conscientização para o combate ao abuso e exploração sexual infanto-juvenil.

Coordenado pela Secretaria de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), em parceria com a Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), a atividade foi realizada para 80 crianças e adolescentes, entre 9 e 17 anos, acolhidos no Lar Pérola de Cristo, em Paripe. Um profissional de natação realizou uma análise da aptidão entre os atletas, antes de caírem na piscina.

Para garantir a animação do público, a Banda Guardiões da Cidade, formada por músicos da Guarda Civil Municipal (GCM), se apresentou no local. Durante o evento, houve ainda uma apresentação dos alunos da Arena Aquática e de grupos de ginástica rítmica, com mostras de treinamentos diários. Ao final do Festival de Natação, todos os participantes foram premiados com medalhas.

Presente no evento, a vice-prefeita Ana Paula Matos afirmou que o esporte é uma importante ferramenta de inserção social e, também, de conscientização junto à população. “O trabalho do Maio Laranja é muito importante na luta contra todas as formas de abuso e exploração sexual contra crianças. Esse evento mostra que o esporte é uma forma de transformar vidas. Eu tenho muito amor por essas crianças do Lar Pérola de Cristo, e tenho certeza que esse dia será sempre lembrado por elas de forma especial”.

A titular da SPMJ, Fernanda Lordêlo, ressaltou as especificidades das atividades desenvolvidas durante o Maio Laranja. “Essa ação tem um caráter bem especial porque envolve o esporte, que é uma maneira que nós temos de envolver as crianças e adolescentes em algo saudável. O evento de hoje traz um cunho de alegria e confraternização infanto-juvenil, dentro de várias ações que estamos realizando durante todo este mês”, pontuou.

Com o sonho de ser nadadora olímpica, A.J, de 9 anos, destacou a felicidade de vivenciar um dia de atleta. “Nunca tinha visto uma piscina tão grande. Hoje está sendo um dia muito feliz e diferente para mim e todos os meus coleguinhas. Tá sendo uma experiência muito legal”, declarou sorridente.

SECOM

Foto: Adam Vidal/Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: