Câmara de Vereadores: Uma mudança para um futuro melhor

As eleições municipais na Ilha de Itaparica demonstra a insatisfação do povo com as Casas Legislativas dos municípios que compõe a Ilha, trata-se de Itaparica e Vera Cruz, um exemplo esta em Itaparica que tem hoje 11 vereadores eleitos dos 9 anteriores só reelegendo 4 e dentre eles dois lá no fundo da lista, já em Vera Cruz dos 13 tão somente 6 foram reeleitos uma alteração de mais de 50% no quadro de vereadores, deixando em ambos municípios nomes que era dados como reeleitos sem mandatos para a próxima legislatura, não tenha dúvida é uma resposta ou começo de uma resposta a ser dada para o futuro onde o povo precisa modificar e alternar os seus representantes, pois a permanência no poder ela é preocupante e da mesma forma sem ver os resultados positivos a população de certa forma em um momento oportuno como foi esse do dia 15 de novembro modificou em mais de 50% o legislativo dos dois municípios, agora fica um alerta para todos os políticos, falta um pouco só muito pouquinho para que a nação brasileira se torne realmente uma nação soberana e escolha de forma ordeira os seus representantes, não tão somente os gestores, porém principalmente os componentes do legislativos seja ele na base da pirâmide, os vereadores, depois os deputados estaduais, federais e os senadores, para que possamos ter realmente representantes do povo, com isso aí então os gestores eleitos pensaram a continuar sempre em fazer o melhor para a base da pirâmide que é os municípios, porque sem ele nada é feito, portanto parabéns ao povo que escolheu os seus representantes e depositou um voto de confiança nos seus futuros gestores e que eles tenham entre si no seu íntimo o compromisso de fazer em prol do povo e tenha com eles as promessas retiradas de alguns livros de cabeceira para os seus mandatos.
Fica a lição para todos independente do eleitor, dos candidatos, dos eleitos, dos não eleitos, a lição é para todos precisamos transformar essa nação em uma nação soberana, por que não cabe mais dentro da nação o surgimento individual de projetos precisa e sim de competência para agregar aos poderes públicos e privados juntos por uma sociedade mais justa e melhor para todos.

Visão Cidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: