Vera Cruz: Forró do Quilombo da Ilha

Propaganda

Quem foi ao Forró do Quilombo, pôde além de dançar forró, colaborar com a construção da sede do Instituto Quilombo Ilha

Juntos somos mais fortes. Somos inquebrantáveis. É dessa forma que todos do Instituto Quilombo Ilha se sentem após a realização do Forró do Quilombo, evento que faz parte de uma das ações da Campanha Sede Própria promovida pelo Instituto para arrecadar fundos para construção da sede. Realizado no último sábado (16) em Vera Cruz/BA.

“O nosso objetivo, além de construir a nossa tão sonhada sede, é continuar alimentando os sonhos e a esperança dos nossos jovens da Ilha de Itaparica e Região. A educação é o que faz deste país um lugar melhor e nós precisamos deste lugar, precisamos de um país com mais educação. As nossas ações da campanha Sede Própria continuam e logo divulgaremos o nosso próximo evento”, ressalta Renato dos Santos, vice-presidente.

O Forró do Quilombo, além de ser um dos maiores eventos de forró realizado na Ilha de Itaparica é também um momento de descontração e de se conhecer um ao outro. É um momento onde todos estão juntos, colaboradores, professores, alunos e coordenação unindo forças e aumentando a expectativa de dias melhores.

Para o programador de sistema, Márcio Reis, a realização de um evento como o Forró do Quilombo exige muito estímulo e dedicação. “É um trabalho muito grande, eu pude ver de perto todos empenhados para tornar esse evento possível. Participei pela primeira vez e vi que precisa de muito esforço para fazer uma festa como o Forró do Quilombo”, afirma Márcio Reis.

As ações da Campanha Sede Própria continuam e quem quiser colaborar com a construção da Sede do Instituto Quilombo Ilha é só marcar presença nos próximos eventos ou também fazer uma doação de qualquer valor na conta do Instituto, Caixa Econômica Federal, agência 3785, operação 003, conta jurídica 624-8.

O Instituto pauta-se em uma política de ações afirmativas que visa diminuir as desigualdades historicamente acumuladas. Nesse período de 12 anos de existência já são mais de 500 jovens, negros, nas universidades públicas.

Riquelme Sanchez, Bola 7, RK Ritmos, Forró da Ilha com Manoel do Acordeon, e DJ Érico Reis, foram as atrações que animaram o público do Forró do Quilombo.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: