Vettel vence no Barein

Propaganda

Numa repetição de um duelo tático entre Mercedes e Ferrari como na Austrália, a equipe italiana se deu bem de novo, e Sebastian Vettel venceu a segunda etapa da temporada 2018, no Barein. Mesmo com pneus macios de 38 voltas, o alemão resistiu a um ataque de Valtteri Bottas, que completou em segundo. Lewis Hamilton foi o terceiro colocado mesmo largando em nono.

A tática esperada era de dois pit stops para os carros de ponta, mas a Mercedes enganou a Ferrari e adotou uma estratégia de apenas uma troca para pneus médios para seus dois pilotos, enquanto a equipe italiana, pega de surpresa, mandou Sebastian Vettel permanecer na pista até o fim com pneus macios com quase 40 voltas de uso. Aos poucos, Bottas tirou a diferença para Vettel, que neutralizou um ataque na última volta para vencer em sua corrida de número 200 na carreira.

Fora da briga Mercedes x Ferrari, o grande destaque da prova foi Pierre Gasly, que levou a STR a uma excelente quarta posição. Completaram a zona de pontuação da quinta à décima posições, Kevin Magnussen (Haas), Nico Hulkenberg (Renault), Fernando Alonso (McLaren), Stoffel Vandoorne (McLaren), Marcus Ericsson (Sauber) e Esteban Ocon (Force India).

Incidente assustador nos boxes!

Além da disputa ferrenha pela vitória, a corrida foi marcada por uma imagem chocante. No segundo pit stop de Kimi Raikkonen, a Ferrari liberou o finlandês para sair antes que o pneu traseiro esquerdo fosse corretamente fixado. O Homem de Gelo arrancou e passou por cima da perna esquerda do mecânico que ainda terminava a operação. Kimi abandonou a prova e o mecânico sofreu fratura.(GE)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: