Ilha dos Frades tem Selo Bandeira Azul renovado para 2021

A praia de Ponta de Nossa Senhora do Guadalupe, na Ilha dos Frades, em Salvador, teve o selo Bandeira Azul renovado para temporada 2020/2021. Esta é a sexta vez que a localidade recebe a honraria. Além da veterana, outras duas praias baianas vão receber o título: Guarajuba e Itacimirim, ambas localizadas no município de Camaçari. Já Stella Maris, Flamengo e Ipitanga, todas na capital baiana, estão em processo de comprovação das condições ambientais e também podem entrar para lista.

O processo para obtenção do Selo está sendo executado através da Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis) junto com o Consórcio Temis/Nemus. O selo certifica a qualidade das principais praias ao redor do mundo e é distribuído pela Foundation for Environmental Education (FEE).

A nova bandeira na Praia de Nossa Senhora de Guadalupe deve ser hasteada entre novembro e dezembro deste ano. Apenas quatro estados tiveram praias que serão certificadas com a Bandeira Azul. Santa Catarina lidera o ranking com 11 localidades. Em Salvador, o selo existe apenas na praia da Ilha dos Frades, e segue sendo pleiteado pelas praias de Stella Maris, Flamengo e Ipitanga. A certificação tem validade de dois anos, podendo ser renovada.

O processo de adequação das praias de Stella Maris, Flamengo e Ipitanga, a fim de cumprir os critérios exigidos pelo programa para submetê-las a avaliação e certificação deverá levar aproximadamente dois anos, mas os trabalhos já tiveram início. Ontem (19) foi realizada uma rodada de articulação virtual que envolveu as secretarias e órgãos municipais e estaduais que têm atuação na região das praias. Durante o bate-papo on-line foram apresentadas as etapas do programa Bandeira Azul, assim como as etapas, ações e cronograma do projeto.

Exigências – O prêmio ecológico e voluntário é concedido com base em uma série de critérios com foco em gestão e educação ambiental, qualidade da água, segurança e serviços, turismo sustentável e responsabilidade social. No Brasil, o selo é representado pelo Instituto Ambientes em Rede (IAR), membro da FEE desde 2005.

Nos critérios exigidos pelo programa voltados a educação ambiental, por exemplo, estão o aumento da conscientização e a preocupação dos usuários das praias com o meio ambiente; promoção da formação dos funcionários da Prefeitura e dos fornecedores de serviços turísticos em temas ambientais e boas práticas; o encorajamento à participação dos agentes locais na gestão ambiental da área; e a promoção sustentável da área para recreação e turismo.

Há ainda questões que envolvem o fornecimento de informações ao público sobre a qualidade da água, a criação de um comitê de gestão que ficará encarregado de garantir que todos as exigências sejam cumpridas, recipientes para descarte de lixo em bom estado de conservação e em número adequado, estruturas para receber material reciclável, entre outros.

Confira as praias certificadas no Brasil:

Praia do Tombo – Guarujá/SP
Praia Grande – Governador Celso Ramos/SC
Praia da Lagoa do Peri – Florianópolis/SC
Praia de Ponta de Nossa Senhora do Guadalupe, Ilha dos Frades – Salvador/BA
Praia do Estaleiro – Balneário Camboriú/SC
Praia do Estaleirinho – Balneário Camboriú/SC
Praia de Piçarras – Balneário Piçarras/SC
Praia do Peró – Cabo Frio/RJ
Prainha – Rio de Janeiro/RJ
Praia da Reserva, Rio de Janeiro/RJ
Praia de Guarajuba – Camaçari/BA
Praia de Itacimirim, Camaçari/BA
Praia da Saudade (Prainha) – São Francisco do Sul/SC
Praia do Forte, São Francisco do Sul/SC
Praia de Quatro Ilhas – Bombinhas/SC
Praia de Mariscal – Bombinhas/SC
Praia da Conceição, Bombinhas/SC
Praia Grande, Penha/SC

SECOM

Foto: Gabriel Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: