Biometria não será exigida para exercício do voto em Igaporã, Botuporã e Tanque Novo

Os eleitores dos municípios de Igaporã, Botuporã e Tanque Novo, pertencentes à 168ª Zonal Eleitoral, que tiveram os títulos cancelados por não comparecerem ao recadastramento biométrico, poderão votar nas próximas Eleições Municipais 2020 (15 e 29 de novembro, 1º e 2º turno). A medida obedece a Resolução TSE nº 23.616/2020.

Conforme o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), os efeitos desses cancelamentos serão suspensos automaticamente, sem a necessidade de realizar nenhum procedimento, estando seus titulares aptos ao voto. 

De acordo com a chefe de cartório da 168ª ZE, Maria José Fernandes Almeida, apesar das três cidades terem passado pela revisão biométrica, a identificação por impressão digital não será exigida. “É preciso esclarecer que, mesmo aqueles que não responderam a convocação, poderão votar normalmente. Então, gostaria de informar aos eleitores dos municípios de Igaporã, Botuporã e Tanque Novo que não conseguiram fazer o cadastro biométrico para que não se preocupem”, enfatizou a servidora.

O Regional baiano lembra que o cancelamento de títulos motivado por fraudes, no entanto, será mantido. Os demais, que foram reabilitados, voltarão a ser cancelados após a reabertura do Cadastro Nacional de Eleitores, que ocorrerá depois das eleições de novembro. 

TRE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: