CCJ adia parecer à regulamentação do transporte por aplicativo

Em reunião a portas fechadas no início da tarde desta terça-feira (27), com a presença do presidente da Casa, vereador Geraldo Júnior (SD), os integrantes da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal decidiram adiar para quarta-feira (28), às 13h, a apresentação do parecer da relatora Lorena Brandão (PSC) ao projeto de regulamentação do transporte por aplicativo. A decisão levou em conta a inclusão de 10 novas emendas ao relatório conjunto das comissões de Finanças e Orçamento e de Transporte.

Geraldo Júnior confirmou a votação do PLE nº 258/18, do Executivo, na sessão plenária desta quarta-feira (28), logo após a reunião da CCJ. E parabenizou todos os vereadores pelo empenho em discutir a proposição buscando o melhor para a cidade: “O processo de discussão está sendo o mais democrático possível, ouvindo as duas categorias envolvidas, sem jogar para a torcida, para entregar à cidade a melhor regulamentação, que atenda aos interesses do maior número possível de profissionais e também dos usuários”, frisou o presidente da Câmara.

“Precisamos de um tempo para analisar as novas emendas e construir o parecer que reflita o melhor para a cidade, que dê maior segurança a todos”, justificou Lorena. O presidente da CCJ, Alexandre Aleluia (DEM), concordou que o adiamento seria a melhor alternativa para que as emendas possam ser analisadas com a atenção que o projeto requer, atendendo a todos os segmentos envolvidos no sistema.

Participaram da reunião, ainda, Duda Sanches (DEM), Alfredo Mangueira (MDB), Aladilce Souza (PCdoB), Paulo Magalhães (PV), Marcelle Moraes (sem partido), Joceval Rodrigues (Cidadania) e Suíca (PT).

Câmara Municipal de Salvador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: