Flica começa nesta quinta-feira (11)

Propaganda

Escritores em um mundo intolerante e deserto de compaixão. Esse é o tema da mesa de abertura da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), que começa nesta quinta-feira (11) e vai até próximo domingo (14).

O português Valter Hugo Mãe e baiano Aleilton Fonseca são os escritores que irão compor a primeira mesa da festa, com mediação do diretor da Fundação Pedro Calmon (FPC), Zulu Araújo.

O primeiro encontro com o público, que será a partir das 15h, será, como em anos anteriores, no Claustro do Convento do Carmo, na cidade de Cachoeira, no recôncavo baiano.

Nesta oitava edição, a Flica assume uma tendência dos últimos anos com temas que permeiam o cotidiano, as relações interpessoais e etnias.

A homenageada deste ano é a escritora Conceição Evaristo, ficcionista e ensaísta. Mestre em Literatura Brasileira, Doutora em Literatura Comparada, a mineira tem marcado presença em movimentos sociais, principalmente nos que se relacionam com a luta dos afro-descendentes.

Os Admiráveis olhos d’água que nos contemplam, tema da mesa com Conceição Evaristo, acontecerá na noite de sábado (13), a partir das 20h, sob mediação da também escritora, e baiana, Lívia Natália.

Fliquinha

Apesar da abertura oficial ocorrer à tarde, durante a manhã a Fliquinha, que tem programação voltada para crianças, já contará com atividades. A partir das 9h30, haverá contação de história com o ator Ângelo Flávio será o contador de história que abrirá a Fliquinha 2018.

Inspirado e incorporado na tradição dos grandes mestres griôs, o ator levará para o público presente ao Theatro Cachoerano diversas histórias da literatura brasileiras e parlendas.

A partir das 17h, a Orquestra da Polícia Militar da Bahia se apresenta na escadaria da Câmara. E, das 21h às 22h30, o Coletivo Novos Cachoeiranos ocupam o espaço. Já no espaço Território, terá apresentações do GAMGE Dança Afro e Hip Hop, das 18h às 19h30, e Contos da África – Nucleart (Núcleo de Estudos e Pesquisa Teatral do Recôncavo).

  • Para saber mais sobre outras programações da Flica, acesse o site: www.flica.com.br
  • (G1)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: