Salvador: Acreditando no futuro

Marcados pelo tempo assim estão os casarões seculares de um conjunto arquitetônico tombado pelo IFAN que fiscaliza as reformas destes casarios com muitos deles chegando até as ruínas como são vistos no Centro Histórico de Salvador.

O governo do estado cala-se diante de tamanha degradação de um patrimônio imaterial com um valor agregado a sua história impagável, porém de quem seria o direito do resgate destes sobrados indo as ruínas, lembrando que a última intervenção estadual foi a mais de 15 anos, porém surge uma luz no fim do túnel com a implantação de um programa ousado e mais que necessário para a preservação da história de Salvador denominado de Salvador 360.
O resgate desta parte que abrange o centro histórico pode ser visto nos olhares de quem vive no local, um novo brilho, pois “É nada mais nada menos do que o resgate de uma cultura, Salvador merece muito mais e assim seremos a cidade dos iguais”.

Visão Cidade



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: