Nada contra, porém onde esta a coerência?


Salvador vive um momento de bastante cautela, bastante atenção para se cuidar das vidas, a prefeitura de Salvador e o governo do estado da Bahia andam de mãos dadas para conter a proliferação do vírus no estado e na capital baiana, um exemplo de tal situação foi a do último dia do ano de 2020 onde a prefeitura de Salvador teria na sua agenda uma Live com dois cantores famosos em pleno período de pandemia, porém a coerência falou mais alto e a gestão municipal por sua vez resolveu cancelar para que evitassem diversas aglomerações, pois sabe-se que a Live estaria levando uma grande quantidade de pessoas a estarem nos bares, nas ruas e em outros lugares, mas a coerência da gestão municipal e com seu objetivo de salvar e preservar vidas foi cancelado.
Por outro lado as atitudes que o governo do estado vem tomando no que se refere a fiscalização pela vigilância sanitária estadual e pelos órgãos competentes, pela polícia militar do estado da Bahia no que se refere a desfazer aglomerações, no que se refere a proibir os paredões, esses com um grande atrativo para que os jovens dentre eles repassem uma contaminação maior tendo em vista todos esses aparatos legais para se conter, assim também ainda é visto o que se pode chamar de segunda onda um crescimento assustador dos números de casos com pessoas infectadas, mesmo com todas essas tentativas teve um acréscimo no período eleitoral e após as festas de natal e fim de ano, chega a se demonstrar um outro acréscimo o que é muito preocupante, porém é preciso conscientizar a população de uma higiene severa, uma utilização de máscara constante para se evitar a proliferação do vírus, não tenha dúvida que tudo isso ainda é o melhor remédio, pois já se sabe que a vacina existe, porém a vacinação ainda não.
Pois bem vejamos o que está para acontecer estamos lá 30 dias para a festividade do Carnaval e Salvador é uma cidade aonde todas as ‘fichas’, todos os olhos, todas as atenções são voltadas para a capital baiana nesse período, este ano será diferente não terá bloco na rua, não terá trio elétrico, dentre outras formas de festejo, isso é o que se espera, pois até neste momento o que se tem visto é a tentativa do estado e do município em evitar aglomerações, porém já foram anunciadas Lives de diversos artistas famosos do estado que farão Live em pleno período de Carnaval, nada contra, cada qual sabe o que deve fazer mas seria coerente que nesse período esses artistas não fizessem tais manifestações culturais, pois o momento é de reflexão e sabe-se que com o anúncio desses artistas dessas Lives terá diversos pontos de aglomerações em toda a capital baiana, o que acende totalmente a ‘luz vermelha’ em alguns lugares, fala-se até em implantação de telões em alguns lugares, fala-se em colocar diversas caixas de som para transmitir tal efeitos sonoros de melhor qualidade, pois então ainda há tempo de uma grande reflexão dos senhores artistas e se posicionar de maneira a favor da vida, pois todos sabem que vacina já existe mas a vacinação não, vale ressaltar também que esse é o momento de ter muita coerência e essa se faz preciso para se salvar vidas.

Visão Cidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: