Ilha de Itaparica: Terceirizada da Embasa paralisa atividades

Funcionários da empresa prestadora de serviço a Embasa a empresa Projecom procurou a redação do site Visão Cidade para informar que as suas atividades estão paralisadas por conta da falta de pagamento da empresa aos seus funcionários, segundo relatos de alguns funcionários são mais de 2 meses de atraso até mesmo não pagamento do 13º salário, o que deixam todos numa situação bastante constrangedora, o outro lado que causa grande impacto é que a empresa responsável no caso a Embasa não se pronuncia de maneira favorável ou desfavorável ao pleito dos funcionários da empresa contratada por ela, fica uma pergunta ‘De quem é a responsabilidade pelo pagamento desses funcionários, fica tão somente da empresa contratada ou também fica por responsabilidade de fiscalização do contratante no caso a Embasa?’, os funcionários na verdade é que não podem ser penalizado por tais fatos, com a palavra a Embasa e a Projecon.

“Pela manhã da última quinta-feira o sindicato esteve na frente da Embasa em Itaparica, apenas as equipes de produção estão paradas, nós que trabalhamos ligados a Embasa, fomos ameaçados de demissão caso parasse o trabalho, está difícil, apesar se estarmos reivindicando nossos direitos, estamos coagidos, e a empresa ameaça demitir toda equipe de produção que parou, ontem e hoje trouxe policiais disfarçados de Salvador, que ficam no canteiro de obras armados para coagir os trabalhadores, um tal de Rafael que se diz dono da empresa, trata os trabalhadores muito mal, usa palavra horríveis para se reportar aos trabalhadores, porém sempre por vídeos no zap, nunca aprece, aqui a coisa está feia , sem previsão de pagamentos, pressionados e obrigados a trabalhar”, relato de um funcionário.

A redação do site tentou exaustivamente contato com as referidas empresa sem êxito, por telefone o mesmo sempre ocupado.

Visão Cidade

%d blogueiros gostam disto: