Bahia marca gol aos 51 do 2º tempo e escapa da derrota para Unirb

O reencontro do Bahia com o seu torcedor não saiu do jeito que os tricolores esperavam. No primeiro jogo do Esquadrão no ano na Fonte Nova, o time apresentou desempenho muito abaixo e escapou da derrota apenas aos 50 minutos do 2º tempo, ficando no empate por 1×1 com o Unirb, na noite desta quarta-feira (19), pelo Campeonato Baiano.

Ainda com um time alternativo e treinado pelo português Bruno Lopes, o Esquadrão abusou dos erros, foi vaiado pelo torcedor e o viu o atacante Bádio, ainda no primeiro tempo. Em cobrança de pênalti, Lucas Araújo viu o goleiro defender, mas pegou o rebote e deixou tudo igual para o Esquadrão.

Sem vencer na temporada, o Bahia soma agora dois pontos em dois jogos no Campeonato Baiano. Assim como o tricolor, o Unirb também aparece com dois pontos na classificação.

Agora, o tricolor vai focar as atenções na Copa do Nordeste. Neste sábado (22), o time principal encara o Sampaio Corrêa, também na Fonte Nova, pela estreia no torneio.

SEM BRILHO
De volta após ficar afastado por conta da covid-19, o técnico Bruno Lopes contou com reforços na equipe de transição. Ausentes na estreia, Douglas, Borel, Felipe Torres, Luiz Henrique, Luizão e Jeferson Douglas foram as novidades no tricolor. No banco, o time alternativo teve ainda as presenças de Oscar Ruiz e Marcelo Cirino.

O Bahia iniciou a partida tentando controlar e propor o jogo. Apesar de ter mais posse de bola, o tricolor mostrou falta de ritmo e entrosamento, com muitos erros de passes e lançamentos. Quando o Esquadrão teve a chance, perdeu um gol incrível.

Aos 20 minutos, Carlinhos tentou cortar de peito e ajeitou para Gregory, praticamente na marca do pênalti. De cara com o gol, o atacante tricolor chutou fraco e facilitou a defesa do goleiro Marcos. Aos poucos a torcida do Bahia foi perdendo a paciência e começou a vaiar o time.

A resposta do Unirb veio na mesma moeda. Depois do cruzamento rasteiro, Carlinhos fechou livre no segundo pau, mas furou na hora da finalização. A bola ainda passou raspando a trave do goleiro Dênis Júnior.

Aos 41 minutos o goleiro Marcos errou na saída de bola. Marcelo Ryan se enrolou na primeira e chutou fraco na segunda chance, perdendo outra boa oportunidade. Para piorar, no lance seguinte o atacante Mucury fez grande jogada e tocou para Bádio chutar forte e abrir o placar para o Unirb no primeiro tempo.

MAIS DO MESMO
Para tentar mudar o panorama, o Bahia voltou do intervalo com três mudanças. Luiz Felipe entrou na vaga de Borel, Lucas Araújo no lugar de Jeferson Douglas e Oscar Ruiz por Thayllon. Não demorou muito e Bruno Lopes colocou Marcelo Cirino em campo também, promovendo a estreia do jogador quatro meses após a chegada no clube.

Mais presente no ataque, o Bahia tentava pressionar o Unirb, mas tinha dificuldade para passar pela marcação. Só aos 18 minutos o Esquadrão conseguiu levar perigo em um chute de fora da área de Oscar Ruiz.

Do outro lado, o Unirb passou a esperar o erro do Bahia para tentar o contra-ataque. No vacilo da defesa tricolor, Mucury fez a jogada pela esquerda e chutou sem ângulo. A bola passou na frente do gol de Dênis Júnior.

Nas poucas vezes em que conseguiu passar pelo bloqueio do Unirb, o Bahia parou no goleiro Marcos. Primeiro no chute forte de Miquéias, e depois na finalização de Marcelo Ryan.

A partir dos 30 minutos o Unirb ficou mais solto no jogo. Na jogada de pé em pé, a Coruja só não marcou um golaço porque o Luiz Felipe conseguiu salvar em cima da linha. Na volta, a cabeçada de Gabriel foi para fora.

A situação do Esquadrão só foi amenizada aos 49 minutos do segundo tempo. O árbitro viu toque de mão do defensor do Unirb dentro da área e marcou pênalti. Na cobrança, Lucas Araújo bateu, o goleiro Marcos fez a defesa, mas no rebote o próprio Lucas Araújo mandou para as redes, aos 51 minutos. Na comemoração, o volante trocou farpas com torcedores nas arquibancadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: