Salvador: Caixa Econômica Federal poderá funcionar nos dias de feriado antecipado

Atendimento nas agências, no entanto, só será permitido para pagamento de benefícios relacionados à pandemia

A Prefeitura liberou o funcionamento das agências da Caixa Econômica Federal (CEF) em Salvador nos três dias de feriados antecipados, na segunda (25), terça (26) e quarta (27). Entretanto, o atendimento terá que ser exclusivo para o pagamento de benefícios relacionados à pandemia do novo coronavírus. Haverá fiscalização por parte da força-tarefa liderada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur).

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) havia sugerido o funcionamento das 9h às 14h para os bancos nos dias de feriados antecipados. Entretanto, nenhum outra instituição bancária está autorizada a abrir de segunda a quarta. “Vamos fiscalizar o cumprimento dessa lei de antecipação dos feriados também nos bancos, isso já a partir de segunda-feira. Quem descumprir, será fechado”, advertiu o titular da Sedur, Sérgio Guanabara. 

Em decisão conjunta entre a Prefeitura e o governo do Estado, três feriados foram antecipados para os três primeiros dias “úteis” da semana que vem. O São João, no dia 24 de junho, e a data comemorativa à Independência da Bahia, em 2 de julho, são os estaduais, alterados para a segunda (25) e a terça (26). O municipal, transferido para a próxima quarta (27), será o 8 de dezembro, ou seja, o dia de Nossa Senhora da Conceição da Praia.

Apenas atividades que já funcionam em dias de feriado, desde que não estejam enquadradas em medidas restritivas e com exceção das agências da Caixa (somente para pagamento de benefícios relacionados à pandemia, destaca-se novamente), podem abrir as portas, a exemplo de supermercados, farmácias, postos de gasolina e serviços de urgência e emergência na área saúde. No caso do serviço público municipal, cada colaborador será informado por seu setor sobre o esquema de trabalho.

Na quinta (28) e na sexta (29), a Prefeitura, também em acordo com o Estado, vai suspender, por decreto, o funcionamento das atividades que não sejam essenciais, com o objetivo de que haja uma semana “útil” inteira de intensificação do isolamento social, aliviando a pressão por leitos para pacientes com Covid-19 nas unidades de saúde. Nesses dois dias, os bancos poderão abrir normalmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: