Transporte coletivo caótico em Vera Cruz e Itaparica

Com uma população estimada em 50 mil habitantes quando chega o período de verão, chega até entre veranistas e flutuantes uma população acima de 150 mil habitantes em Vera Cruz que hoje vive com um transporte caótico, sem controle, sem qualidade, o pior de tudo não tendo a mínima condição de continuar como está.

Proporcionalmente tem mais transporte no caso de vans, micro-ônibus, táxis, mototáxi, esses são os que tem o alvará para funcionar como transporte alternativo, o município com aproximadamente umas 200 vans e micro-ônibus, umas 200 motos, uma média de 200 táxis, sem falar naqueles que fazem o transporte ‘quando destino’ como é dito por aqueles que são legalizados pela prefeitura.

É um desrespeito muito grande tanto nos terminais como nas comunidades, na rodoviária do Terminal de Bom Despacho, no Terminal de Mar Grande próximo as lanchas, nos corredores, como também ao longo da Ba-001 essa totalmente sem controle, o fato mais recente ocorreu em uma disputa de passageiros no Terminal de Mar Grande rodoviários entraram em vias de fatos em luta corporal brigando em plena praça, em plena praça pública, esse é o reflexo do estresse vivido por todos, sem falar na falta de respeito aos passageiros quando chegam aos terminais e os motoristas dizem simplesmente “Não vou levar porque não é o número determinado”.

Visão Cidade

2 comentários em “Transporte coletivo caótico em Vera Cruz e Itaparica

  • 22 de setembro de 2019 em 20:53
    Permalink

    Quero informar que a briga que ocorreu entre dois motoristas de vans em Mar Grande infelizmente não foi por disputa de passageiros segundo pensam todos. Os mesmo já tinham tido problema pessoais e não se falavam. Mas se agravou naquele momento em que estavam trabalhando é infelizmente terminou em agressão. Pior ainda no local de trabalho. Mas quanto a isso já foram devidamente punidos e suspensos. O ruim é que denegriu a imagem do transporte. No mais está correndo tudo bem.

    Resposta
  • 23 de setembro de 2019 em 13:33
    Permalink

    Independente da luta desses dois monstroristas, o transporte das duas cidades são de péssima qualidade, alguns motoristas e cobradores mal educados, e condições dos veículos , digo alguns piorar verifica quando se trata do município de Itaparica com a inexistência de fiscalização, se o passageiro chegar em Bom Despacho no ferry que sai de Salvador as 22:00h não encontra transporte para o centro de Itaparica a menos que se pague muito mais caro .

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: