Vera Cruz: Tragédia fará dois anos sem uma resposta

Um fato com a chegada das chuvas que atingem a cidade de Salvador e a Bahia de Todos os Santos ficou claro com algumas situações na travessia Salvador-Mar Grande e Mar Grande-Salvador, como também mas viagens de escunas para turistas, foi postado um vídeo que rivalizou na internet da falta de segurança dessas embarcações na Bahia de Todos os Santos, no fato da travessia Salvador-Mar Grande e Mar Grande -Salvador,a situação ainda é pior, pois basta a previsão do tempo informar que vai chover e pela falta de navegabilidade e visibilidade as lanchas que fazem essa travessia por conta de uma determinação da Marinha no caso a Capitania dos Portos da Bahia fica suspensa o transporte através dessas lanchas.

Por conta disso a demonstração da falta de segurança é tão grande que ainda se faz lembrar a tragédia acontecida há pouco menos de dois anos por falta de segurança, como foi comprovada por várias vezes, onde comandantes de  destas embarcações, navegam sem a mínima condição de conforto e principalmente de segurança para aqueles usuários que se arriscam nessa travessia, onde no mês de agosto fará dois anos da fatídica travessia saindo de Mar Grande com destino a Salvador vitimou 19 vítimas, sendo das comunidades de Vera Cruz, Itaparica, Santo Antônio de Jesus, Salinas e Salvador, isso é a prova de que nada foi feito para se melhorar essa travessia, uma travessia com muitos problemas, o problema maior disso tudo é a falta de segurança, solicitamos as autoridades públicas que providências sejam tomadas de imediato para que outras vidas não sejam ceifadas pela incompetência e falta de compromisso para com os usuários.

Uma pergunta fica no ar, ‘Será que no mês de agosto teremos manifestações, audiências públicas e muitas outras  coisas para chamar a atenção do fato ocorrido lá atrás?’, comenta-se nas cidades aonde foram ceifados vidas, porém a  responsabilidade e competência é da empresa e proprietário da lancha que ocasionou o desastre intitulado por muitos como uma ‘tragédia anunciada’, como será para essas famílias enlutadas, com a palavra todos aqueles que puderem de uma maneira ou de outra se manifestarem a favor do povo.

Visão Cidade



Um comentário em “Vera Cruz: Tragédia fará dois anos sem uma resposta

  • 12 de junho de 2019 em 09:22
    Permalink

    Fui vítima do acidente pois estava na lancha cavalo marinho 1 e foi terrível onde por duas horas lutamos pela vida sem Marinha, sem capitania dos portos de Salvador e o despreparo total dos tripulantes que também devido as condições de trabalho e autoritarismo dos proprietários das lanchas ditam ou ditavam as regras visando apenas os lucros. Todos são culpados pela tragédia já que todos saibam que um dia iria acontecer pois Marinha, a capitania, agerba e as associações das lanchas nunca tomaram providências para as melhoras da travessia e da segurança.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: