Festival Virada Salvador 2019 terá 1,5 mil ambulantes licenciados

Propaganda
A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) ampliou para 500 o número de kits distribuídos para os ambulantes que irão trabalhar na Arena Daniela Mercury durante os cinco dias do Festival Virada Salvador 2019. Em cada kit, serão entregues três isopores, um grande e dois pequenos, o que irá beneficiar cerca de 1,5 mil vendedores informais. Ano passado, eram 450 kits, com 1,35 mil trabalhadores atuando.
Os vendedores serão organizados em ilhas, distribuídas por diversos espaços da arena, para proporcionar mais comodidade ao público e não prejudicar a mobilidade. Por meio de uma parceria com a Ambev, a Semop vai promover palestras para os trabalhadores licenciados sobre: legislação municipal, licenciamento, técnicas de vendas, permissão de produtos, noções de higiene, proibição do trabalho infantil e da venda de bebida alcoólica para menores de 18 anos.
“Sabemos que tem muita gente necessitando trabalhar, principalmente diante da crise econômica pela qual passa o país. Por isso, chegaremos, esse ano, a 1,5 mil pessoas trabalhando no comércio informal dentro da arena. Isso sem falar nos que serão ordenados na área externa. A ampliação demonstra a sensibilização da Prefeitura com a situação”, disse o titular da Semop, Marcus Passos.
Os ambulantes que trabalharam na Arena Daniela Mercury no ano passado comemoraram um aumento de, em média, 40% nas vendas em relação à festa de 2017, que ocorreu na Praça Cairu, no Comércio. O resultado é atribuído ao maior fluxo de pessoas na Boca do Rio. A expectativa para este ano é de um resultado ainda melhor.
Ordenamento – A Semop vai contar com quatro bases na Boca do Rio – três externas e uma interna. Ao todo, 102 agentes atuando em três turnos, sendo que 80 vão orientar e fiscalizar os vendedores ambulantes e 22 vão combater a poluição sonora, tanto na área interna como no entorno.
Além disso, 30 agentes da Salvamar atuarão na praia, também nos três turnos, com o apoio de moto aquática e bases elevadas. “Pedimos cuidado e atenção de quem vai à praia principalmente para que evite entrar no mar após o consumo de bebida alcoólica ou em período de maré alta”, orienta Passos.
Proibições – Durante o Festival da Virada, não será permitida a comercialização de produtos em carros de mão, fogareiros, churrasqueiras, nem bebidas pré-preparadas artesanalmente. Também é proibido o uso de embalagens reaproveitadas de louças, alumínio ou vidro, que devem ser substituídas por embalagens descartáveis.
Todo material irregular será apreendido pelas equipes de fiscalização e encaminhado para o Setor de Guarda de Bens Apreendidos (Segub), situado na Avenida San Martin. As infrações estarão sujeitas a multas que vão de R$ 75,66 a R$ 151,33.
SECOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: