Defensoria recomenda medidas de segurança no ferry boat

Propaganda

Diariamente, cerca de 15 mil pessoas e 2 mil veículos utilizam o sistema ferry boat para fazer a travessia Salvador/Itaparica. Diante deste fluxo intenso, que aumenta ainda mais nos finais de semana e feriados, a Defensoria Pública do Estado da Bahia – DPE/BA, através da sua unidade localizada em Itaparica, recomendou, através de ofícios, que a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia – Agerba – e a Internacional Travessias adotem medidas de segurança, principalmente, durante o embarque e desembarque dos passageiros.

Conforme consta nos ofícios 054/2018 e 055/2018, a DPE/BA informa que os defensores públicos que atuam nas comarcas de Itaparica e Nazaré das Farinhas têm presenciado que o embarque e o desembarque de pedestres e veículos do sistema ferry boat pelo mesmo local, sem que sejam respeitadas as zonas de segurança.

“Os pedestres caminham na mesma área destinada aos veículos e não são orientados pelos funcionários da empresa que administra o sistema sobre o risco de acidentes”, explicou o defensor público Alan Roque Souza de Araújo. “Não existem regras, segurança e nem organização. São adultos, crianças, idosos e pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida que dividem o mesmo espaço de saída com os veículos”, observou a defensora pública Maia Gelman, que utiliza o sistema ferry boat diariamente.

Ainda no documento, os defensores públicos recomendam a adoção de medidas de segurança para evitar o acesso de pedestres às áreas reservadas aos veículos, devido ao risco; a abertura e utilização das plataformas de acesso exclusivas para pedestres, que já existem, mas não são utilizadas; o acesso de pedestres através de faixas devidamente sinalizadas. “Buscamos a resolução dos conflitos de forma extrajudicial e esperamos que a Agerba e a Internacional Travessias possam solucionar esta demanda e seguir as nossas recomendações”, acrescentou o defensor Alan Roque.(defensoria.ba)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: