A briga de dois que afeta milhares

Propaganda

Pois é Salvador ficou no domingo sem o ‘buzu’ verdade tudo pela luta do melhor salário, melhor condição de segurança,por mais vantagens para a categoria, mais que justa a luta de uma classe que tem a força de um sindicato atuante dentro do estado propiciando paralisações com vista antes, a de hoje(20) onde em pleno domingo paralisou a capital baiana em pleno domingo de sol, assim deixando o soteropolitano sem opção de lazer a não ser para aqueles que não depende deste transporte de massa de suma importância para todos.
Diga-se de passagem que é só uma paralisação de advertência para os empresários e para a prefeitura, mais os prejudicados neste caso é o usuário, segundo o sindicato de classe foram rodadas com a tentativa de não acontecer o fato que foram realizadas sem acordo com os representantes dos empresários e os representantes do sindicato dos trabalhadores do transporte coletivo de Salvador, ficando o povo como ‘As ostras entre o rochedo e o mar’, então sabemos do resultado.
Fato bastante curioso é que se apresenta sempre neste período pré-eleitoral essa situação com se algo que já fosse programado por os sindicatos e empresários para forçarem o reajuste das tarifas, por um lado e por outro os trabalhadores junto ao sindicato que tem um vereador no município cobrar o reajuste de salário é vantagem para a classe mais que justo afinal foi eleito pela classe não estando assim o interesse comum da coletividade.
Espera-se que dentro deste prazo estipulado pela categoria o sindicato e os empresários entrem em acordo para que não prejudique mais a população que já sofre com as péssimas qualidade do serviço prestado pelas empresas de transportes coletivos da capital.

Visão Cidade



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: