Novo sistema de compartilhamento em Salvador terá até 400 bicicletas

As comemorações pelo aniversário de 469 anos de Salvador prosseguem com uma ação que fará com que as pessoas aproveitem ainda mais a cidade e suas belezas. O novo sistema de compartilhamento de bicicletas do Bike Salvador foi inaugurado nesta terça-feira (2), em cerimônia realizada no Porto da Barra – local de uma das dez estações espalhadas pela capital. Estiveram presentes na ação o prefeito ACM Neto e o vice, Bruno Reis, acompanhados do presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington; da gerente de Relações Institucionais e Governamentais do Itaú Unibanco, Simone Gallo; e do CEO da Tembici, Tomás Martins, além de outras autoridades e imprensa.

Dentre as novidades do novo sistema está a aquisição de planos pelo site e aplicativo Bike Itaú, cartão do usuário ou mesmo pelo SalvadorCard. A Estação Bike Ribeira funcionará também para empréstimo das laranjinhas por até 12 horas inclusas nos planos. Nessa primeira etapa, serão disponibilizadas 90 bicicletas. Após a implantação total, a população passará a contar com 50 estações e 400 bikes. Com coordenação da Prefeitura por meio do Movimento Salvador Vai de Bike, vinculada à Saltur, o Bike Salvador conta com patrocínio do Itaú Unibanco e gerenciamento dos equipamentos pela Tembici.

O prefeito lembrou que o Movimento Salvador Vai de Bike e o sistema de compartilhamento de bicicletas foram adotados em Salvador em 2013 e ajudaram a introduzir uma nova cultura da cidade. “Há cinco anos, as praças e a orla estavam abandonadas, não haviam lugares para andar de bicicleta, então não tinha como as pessoas andarem de bike aqui. Enxergando que a primeira capital do brasil não poderia ficar de fora desse movimento, a Prefeitura buscou parcerias e a cidade acabou sendo uma das primeiras a receber o sistema.”

Com isso, foi multiplicado o número de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas em diversos pontos. A intenção da Prefeitura, de acordo com ACM Neto, é ampliar ainda mais o sistema cicloviário da capital, considerando também que as pessoas passaram a utilizar ainda mais as bicicletas não apenas para o lazer, mas também para o dia a dia.

De acordo com o CEO da Tembici, os equipamentos implantados em Salvador seguem o modelo canadense – considerada a melhor solução dentre as demais adotadas em outras cidades do mundo, com a utilização de cartões para retirada das bicicletas. “A gente sempre defende a integração modal para deslocamento único utilizando vários modais. Estamos satisfeitos em fortalecer ainda mais essa parceria na cidade”, afirmou Tomás Martins.

“As pessoas vão sentir aqui como se estivesse andando de bicicleta em qualquer outra grande cidade do mundo. Essa é uma parceria que a gente entende a força da Prefeitura nesse processo no qual as pessoas consigam viver melhor na cidade onde moram. É uma alegria muito grande estar em Salvador, que é muito mais do que a Cidade da Música e da bike, é uma cidade das causas e pessoas muito guerreiras”, salientou Simone Gallo, do Itaú Unibanco.

SECOM 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: