SUS garante tratamento de hemodiálise para pacientes que estiverem viajando

Propaganda

Uma nova medida do Ministério da Saúde vai beneficiar os pacientes que necessitam de hemodiálise e precisem fazer o tratamento fora da cidade de onde vivem. A partir da criação da rubrica “Identificação de paciente sob tratamento dialítico em trânsito”, as pessoas poderão continuar o procedimento normalmente, com garantia de pagamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o Ministério da Saúde, a medida deve ser publicada no Diário Oficial da União (DOU) nos próximos dias. O Governo do Brasil tem investido nos tratamentos nefrológicos, liberando recursos para garantir e aumentar os serviços e atendimentos em todo o Brasil. No início de 2017, a pasta liberou R$ 197 milhões para custear tratamentos nefrológicos no País, beneficiando pacientes renais crônicos que necessitam de tratamento contínuo e dependem SUS.

Balanço

Atualmente, cerca de 100 mil doentes renais crônicos precisam de tratamento de Terapia Renal Substitutiva no País, sendo 85% deles assistidos exclusivamente pelo SUS. Um dos principais fatores de risco para doença renal crônica é a diabetes e a hipertensão, ambas cuidadas na Atenção Básica. Entre 2010 e 2016, o aumento na rede assistencial foi de 26%, passando de 11,3 milhões de procedimentos para 14,2 milhões.

Fonte: Ministério da Saúde



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: