Usuário pode ter que pagar por fontes especiais do Windows 10

Propaganda

Já está em fase de testes um recurso prometido pela Microsoft em janeiro: a possibilidade de baixar fontes diretamente de sua loja online. A ferramenta já está sendo usada por quem faz parte do programa Windows Insiders e deve estar presente em uma próxima atualização do sistema operacional.

Segundo informou o site italiano Aggiornamenti Lumia, pode ser que a Microsoft tenha intenção de cobrar por algumas fontes premium em sua loja. Isso porque a publicação teve acesso a pelo menos duas imagens que mostravam páginas de download de uma fonte que continham um registro de preço. As fontes visualizadas nessas imagens – chamadas Buxton Sketch e Segoe Marker – estariam sendo vendidas pelo valor de 1,99 euros, ou algo próximo de R$ 7,90.

Em busca de dinheiro?

Com o lançamento do Windows 10 como um modelo de “Windows como serviço” (WaaS), rolaram diversas dúvidas sobre como a Microsoft iria substituir essa entrada de receita que sempre foi bastante representativa. Com a empresa recentemente oferecendo opções para usuários do Windows 10 para excluir dados de telemetria e outras ferramentas voltadas para privacidade, fica a impressão de que a companhia estaria buscando opções alternativas de receita.

Ainda não está claro se essas fontes pagas do Windows 10 serão lançadas com a Spring Creators Update ou em uma data posterior.(Tecmundo)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: