UNIFACS: Alunos de medicina fazem protesto

Alunos do curso de medicina da UNIFACS no campus Paralela fizeram uma manifestação pacífica por conta do aumento da mensalidade do curso, para os alunos é uma arbitrariedade da faculdade por se tratar de um curso de grande importância para todos.
Além de que muitos são oriundos de cidades do interior Baiano e também de outros estados onde o alto custo de moradia, alimentação e transporte onera ainda mais o curso, as manifestações são para chamar atenção da reitoria da faculdade para o percentual do aumento,  onde oferece dificuldade para a maioria dos alunos de medicina da UNIFACS.

Em continuidade ao movimento que se iniciou no ano passado contra o aumento da mensalidade do curso de medicina da UNIFACS, na segunda-feira, dia 15/05, em assembleia geral, os alunos decidiram retomar os protestos contra os aumentos para 2017.

Além do alto índice de reajuste( a primeira turma entrou com a mensalidade de, aproximadamente R$ 4.200, e hoje, os calouros pagam R$ 7.586,00- valor que será vigente para os demais semestres a partir de julho) os alunos protestam contra a queda do número  de vagas para fies, que neste ano correspondeu a menos de 10% das vagas, e o não oferecimento de financiamento exclusivamente para os cursos de medicina e direto.Isso coloca em risco não somente o futuro dos alunos que acabaram de ingressar na faculdade, mas também dos internos próximos de terminarem o curso. Já perto de ultrapassarem o limite do Fies ou sem Fiadores com renda suficiente para os apoiarem, a situação desses alunos é preocupante, expondo um risco que afetará todas as turmas subsequentes.

Diretório Acadêmico de Medicina

Visão Cidade
Da Redação



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: