Preço médio da gasolina cai menos de 1 centavo após queda nas refinarias

Propaganda
O preço médio do litro da gasolina no país caiu menos de um centavo na semana passada, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), duas semanas após anúncio da Petrobras de redução de preços do diesel e da gasolina nas refinarias. Na semana encerrada no dia 29 de outubro, o preço médio do combustível para o consumidor ficou em R$ 3,669 – queda de apenas R$ 0,002 em relação à semana terminada em 22 de outubro, quando o preço era de R$ 3,671.

Na semana terminada no dia 15, em que a estatal anunciou a redução do preço, o preço médio estava em R$ 3,654. Portanto, o preço ainda está acima da média apurada antes do anúncio da redução. Os donos dos postos de combustível justificam o resultado pela alta do preço do etanol.
A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), entidade que reúne os produtores de açúcar e etanol, refuta a tese de que o etanol é o culpado pela redução do preço da gasolina na refinaria não chegar ao consumidor pelo fato de o preço do anidro estar estabilizado.
A ANP monitora semanalmente os preços da gasolina, etanol e diesel em todo o país. Os pesquisadores coletam os dados sobre gasolina em 5.667 postos do país. Os dados sobre etanol e diesel são coletados em 5.185 e 3.599 postos, respectivamente.
No diesel, o preço médio ficou estável – passou de R$ 3,005 o litro na semana do dia 22 para R$ 3,008 na semana passada.
O etanol manteve a trajetória de alta – o preço médio do litro avançou de R$ 2,684 para R$ 2,76 – um aumento de quase 8 centavos.(G1)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: