Guerra de patentes em torno do Android pode ter dias contados

Propaganda


O consórcio que reúne a Apple, a Microsoft e outros gigantes “tradicionais” da indústria aceitou vender e licenciar para toda a indústria, patentes que têm sido usadas em vários processos judicias contra empresas que usam Android, como a Samsung.

Em causa está a venda de 4 mil patentes que já pertenceram à Nortel e que quando a empresa faliu geraram uma forte disputa entre gigantes da indústria. A Google estava na corrida mas perdeu para a Rockstar, um consórcio liderado pela Apple, que também integra empresas como a Microsoft, BlackBerry, Ericsson e Sony, que investiu 4,5 mil milhões de dólares na aquisição.

As empresas aceitaram agora vender o portfólio por 900 milhões de dólares à RPX, que irá licenciar as patentes a outras organizações. De acordo com um comunicado, serão licenciadas para um grupo de 30 empresas, onde se inclui a Google ou a Cisco.

O acordo é visto como um passo importante para por fim às guerras de patentes envolvendo o Android, já que vários processos judiciais nesse sentido envolviam a Rockstar e uma política de restrição do acesso à propriedade intelectual detida pelas empresas que compunham o consórcio.

Neste universo de patentes estão tecnologias de uso tão banal como o acesso à Internet, dados de rede ou navegação em documentos, que já serviram de base a vários processos judiciais contra empresas como a Samsung, Huawei e HTC. 

(Tek)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: